QUE FATORES IMPACTAM OS CUSTOS NA HORA DE DECIDIR CONSTRUIR UMA CASA?

Que fatores impactam os custos na hora de decidir construir uma casa?

Num pais onde os salários médios são baixos, não é de estranhar que grande parte da população viva em casas arrendadas ou com os pais. Esta é a realidade dos dias de hoje! E se por um lado para muitos ter casa própria é um sonho, também é verdade que a sua concretização está ao alcance de poucos. Mesmo quando esse desejo se materializa o que, na maior parte das vezes acontece é a compra de um apartamento, novo ou em segunda mão, mas no qual raramente o novo proprietário tem algo a dizer sobre os materiais de construção.

Sabe uma coisa? Vamos ser honestos consigo (primamos por sê-lo sempre). Ora cá vai… está preparado? Construir uma casa, não sai barato! Ainda que sejamos muito rigorosos no controlo de custos, construir uma casa de raiz constitui um investimento avultado.

Apesar disso, há sempre estratégias que pode adotar para que, consiga ter a sua casa de sonho, ao mais baixo custo, mas de elevada qualidade.
Primeiro conselho que lhe podemos oferecer para evitar verdadeiras derrapagens orçamentais: Planeie tudo com muito cuidado! Pesquise terrenos, materiais e profissionais. Peça orçamentos detalhados. Faça medições e cálculos precisos. Acima de tudo, conheça bem os fatores que vão influenciar os custos e pense sobre aquilo que não está mesmo disposto a abdicar na construção da sua casa de sonho.

 

Mas então, que principais fatores impactam os custos na hora de decidir construir uma casa?

 

Existem 4 grandes categorias de custos e são eles:

  • TAMANHO DO PROJETO – esta variável é óbvia. Se planeia uma casa grande, de construção complexa e acabamentos topo de gama, a sua casa será mais cara. Mas não é tão simples como parece à primeira vista. Muito mais importante do que o tamanho da casa é o que vai ser feito nessa casa, ou seja, optar por acabamentos caros vai fazer disparar o custo por metro quadrado, o que significa que no fim pode ter um quarto pequeno, mas que por ter acabamentos de luxo vai sair muito mais caro do que um quarto enorme, apenas com paredes pintadas e chão de cimento. Na verdade os acabamentos podem significar 40% do valor final da sua casa (!!!) e como tal a sua escolha deve ser feita com muito discernimento e controlo. A nossa sugestão é: OPTE! Qual a divisória da sua casa que gostava de “ver mesmo com muita pinta”? Pois então é ai que deve incidir mais no que respeita a acabamentos.
  • PREÇO DO TERRENO – se tiver sorte e já for proprietário do terreno pode baixar muito o preço final da sua casa porque a base já não vai ser contabilizada. Mas mesmo assim cuidado! Avalie muito bem as condições desse terreno há fatores como a inclinação, cursos de água, dureza do solo e muitos outros que podem tornar a construção muito mais cara ou mesmo invalidá-la. E pode ser mais barato comprar outro terreno do que construir no seu. Os mesmos problemas se colocam ao adquirir um terreno, por isso o melhor é mesmo e pedir-nos conselhos para um estudo prévio.
  • COMPLEXIDADE DO PROJETO – este é um dos fatores de custo que mais pode fazer variar o valor do seu projeto. Cada ângulo desigual, desvão de telhado, varanda ou desnível aumenta a complexidade de construção e logo aumenta os seus custos.
  • ACABAMENTOS E ACESSÓRIOS – é esta a variável que mais tende a fazer ultrapassar o orçamento. A tentação de instalar acabamentos de luxo é grande e se não controlar muito bem os gastos a surpresa pode ser muito negativa. Tal como já sugerimos numa publicação anterior, se tem um orçamento apertado foque-se na casa de banho e na cozinha. Estes dois espaços sofrem muita utilização e desgaste, por isso, escolha materiais de qualidade e duradouros, deixando os outros compartimentos mais simples e acrescentando pormenores a posteriori.

 

Então vai aventurar-se a construir com qualidade e baixo preço? Não se esqueça de nos contactar!